pressione enter para pesquisar
27Jul

Ginástica laboral: vale a pena oferecer para a equipe?

Quem nunca ficou trabalhando muito tempo numa mesma posição e acabou tendo uma dor nas costas, no pescoço ou nos braços? Este é um problema constante em qualquer atividade!

Muitas empresas têm adotado a prática da ginástica laboral para melhorar situações como estas. Trata-se de uma atividade realizada no próprio local de trabalho, com o objetivo de alongar, relaxar e proporcionar uma pausa saudável para os funcionários.

Quais os benefícios da ginástica laboral?

O principal benefício é manter o bem-estar e a saúde dos trabalhadores. As posturas inadequadas, esforços físicos constantes e o tempo que se passa numa mesma posição podem trazer consequências como dores, inflamações articulares, tendinites, enxaquecas, entre outras doenças.

Assim, a ginástica laboral traz inúmeros benefícios:

- Redução de dores musculares e articulares;

- Fortalecimento da musculatura;

- Melhora do condicionamento físico;

- Diminuição do sedentarismo;

- Aumento do bem-estar.

Todos os funcionários podem participar da ginástica laboral. Algumas profissões, no entanto, podem ser impactadas ainda mais com estes exercícios como pessoas que trabalham com grande esforço físico, com movimentação de cargas, atividades com movimentos repetitivos ou que acarretam posturas inadequadas.

Como implantar a ginástica laboral

 Antes de colocar em prática da ginástica laboral na empresa é importante contar com a orientação de um professor de educação física, um fisioterapeuta ou profissional relacionado a área de saúde.

A frequência das sessões pode ser definida em conversa com o profissional, podendo ser diária, três ou duas vezes por semana. É importante separar um tempo para a realização da ginástica laboral durante o expediente, algo como 15 a 25 minutos.

Cada exercício pode ter uma ou mais repetições. O importante é definir com o especialista os melhores exercícios para a sua equipe, de acordo com o tipo e as características do trabalho que é realizado. A ginástica laboral pode ser preparatória para uma atividade, após uma atividade (compensatória), relaxante, preventiva, corretiva...

Como incentivar os funcionários

 Uma palestra sobre a importância da ginástica laboral ajudará a explicar melhor todos os benefícios para a sua equipe. Além dos argumentos sobre a saúde, vale a pena esclarecer que a ginástica laboral contribui também para o desempenho no trabalho:

- Gera maior satisfação do empregado;

- Aumenta o rendimento e atenção nas atividades;

- Contribui para a saúde mental;

- Promove a integração da equipe e a melhora das relações interpessoais;

- Reduz problemas ocupacionais.

E aí? Pronto para incluir essa prática na sua empresa?

Sobre o autor: João Marcio Tosmann é formado em Engenharia Elétrica, com ênfase em Eletrônica, pela PUC-RS, com pós-graduação em Administração Industrial pela USP e MBA em Marketing pela ESPM.

Possui experiência em projetos de manutenção industrial e logística em autopeças. Atuou como membro da diretoria do Complexo Industrial Automotivo General Motors (CIAG) e líder de projetos de novos veículos como Celta (General Motors) e EcoSport (Ford). Atualmente é diretor da Tagout, indústria de produtos de Bloqueio e Etiquetagem que oferece consultoria, treinamento e elaboração de procedimentos para implantação do Programa de Controle de Energias Perigosas (PCEP).

compartilhe:
Receba nosso informativo
cadastre-se e receba em seu e-mail nossas notícias
cadastrar
+55 19 3500.8216
+55 19 3500.8217
+55 19 3500.8218
+55 19 3500.8219
+55 19 3500.8220

Rua José Gallo, 258
Vista Alegre – Vinhedo/SP - Brasil
CEP: 13285-332
© TAGOUT 2017 - Todos os direitos reservados